China defende diálogo entre Coreias do Norte e do Sul

A diplomacia chinesa reafirma a posição favorável a uma resolução dos problemas da Península Coreana por meio do diálogo. O diplomata sênior da China, Yang Jiechi, reiterou que é necessário desnuclearizar a península e promover consultas entre as duas partes

Os presidentes da Coreia do Sul (E) e do Norte
Os presidentes da Coreia do Sul (E) e do Norte
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Zhao Lijian, citou  na última sexta-feira as observações de Yang Jiechi em uma coletiva de imprensa. 

Yang, membro do Birô Político do Comitê Central do Partido Comunista da China (PCC) e diretor do Escritório da Comissão de Assuntos Exteriores do Comitê Central do PCC, disse que o avanço da solução política da questão da Península Coreana corresponde aos interesses de todas as partes, informa a Xinhua.

Yang disse que o lado chinês sempre insistiu em manter a paz e a estabilidade na península, realizar a desnuclearização e resolver problemas por meio do diálogo e da consulta. A China defende o avanço da solução política da questão de acordo com a abordagem de mão dupla de forma gradual e sincronizada.

A China espera que a República Popular Democrática da Coreia (Norte) e os EUA possam se encontrar no meio do caminho, acomodar as preocupações legítimas uns dos outros e fazer esforços concretos para avançar na solução política, disse Yang.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247