China registra 24 mortes por novo vírus H7N9

Última vítima é um idoso, de 89 anos, em Xangai; número de pessoas afetadas chega a 126

China registra 24 mortes por novo vírus H7N9
China registra 24 mortes por novo vírus H7N9 (Foto: STRINGER/CHINA)

Renata Giraldi*
Repórter da Agência Brasil

Brasília – O novo vírus H7N9 da gripe aviária já causou 24 mortes na China. A última vítima é um idoso, de 89 anos, em Xangai. O número de pessoas afetadas chega a 126. Não foram identificados, no entanto, novos casos na cidade de Xangai, segundo garantiu a Comissão de Saúde e Planejamento Familiar local.

O governo chinês informou que gastará cerca de 38,8 milhões de euros para evitar novas infecções. Desde o último 25, um grupo de peritos da Organização Mundial de Saúde Animal e do Ministério da Agricultura trabalha na análise do estudo sobre o novo vírus H7N9 na China.

Além de Xangai, as autoridades chinesas registraram casos de infecção pelo H7N9 em Pequim, Jiangsu, Zhejiang, Anhui, Henan, Shandong, Jiangxi, Fujian e Hunan.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247