Comandante iraniano diz que Tel Aviv e 35 alvos dos EUA no Oriente Médio estão ao alcance do Irã

Se alguém tem dúvida sobre a capacidade do Irã para retaliar os agressores, o comandante da Guarda Revolucionária do país, Gholamali Abuhamzeh, esclarece: a capital israelense e 35 alvos vitais dos EUA no Oriente Médio estão "ao alcance do Irã"

Navio e míssil iranianos 
Navio e míssil iranianos  (Foto: Sputnik)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Alvos israelenses e estadunidenses podem ser atingidos pelo Irã, segundo o comandante da Guada Revolucionária. 

"O estreito de Ormuz é um ponto vital para o Ocidente e um grande número de destróieres e navios de guerra americanos cruzam lá [...] Alvos vitais americanos na região foram identificados pelo Irã há muito tempo [...] cerca de 35 alvos americanos na região, bem como Tel Aviv, estão ao nosso alcance", disse Gholamali Abuhamzeh, informa a Sputnik

O comandante iraniano acrescentou que Teerã se reserva o direito de retaliar os EUA pelo assassinato do chefe da Força Quds, levantando a perspectiva de possíveis ataques a navios no Golfo.

Neste sábado (4), o líder da coalizão política parlamentar do Hezbollah no Líbano, Mohamed Raad, declarou que a resposta do eixo da resistência, apoiado pelo Irã, ao assassinato do general seria decisiva, segundo o jornal Al Mayadeen.

O Departamento de Estado sublinhou que Washington vai continuar a sua dura política de sanções contra o Irã e já tomou as medidas necessárias para proteger os seus bens no Oriente Médio, informa a emissora Al Arabiya.


Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247