Conselho de Segurança da ONU se reúne para debater sobre pandemia de Covid-19

O Conselho de Segurança da ONU dedica seu debate aberto sobre a manutenção da paz para dar seguimento à resolução que pede a cessação dos conflitos diante da pandemia de Covid-19

Conselho de Segurança da ONU 
Conselho de Segurança da ONU  (Foto: REUTERS/Eduardo Munoz)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O Secretário-Geral das Nações Unidas, Antonio Guterres, fará nesta quarta-feira (17) um comunicado com algumas propostas para aumentar a solidariedade global de forma a garantir a distribuição de vacinas contra a doença, segundo o seu porta-voz, Stéphane Dujarric.

Espera-se também uma intervenção da diretora-executiva do Fundo das Nações Unidas para a Infância, Henrietta Fore, disse a porta-voz.

De acordo com uma nota conceitual divulgada pela Delegação do Reino Unido, que este mês preside o Conselho de Segurança, agora é urgente garantir o acesso equitativo às vacinas contra a Covid-19 em contextos afetados por conflitos e insegurança.

O objetivo desta sessão, que será realizada em sua maioria por videoconferência, é debater o papel do Conselho, dos Estados membros e da ONU nesta tarefa extremamente importante no combate à crise de saúde.

Além disso, a nota conceitual destaca como as tendências epidemiológicas globais mostram uma pandemia crescente, com o surgimento de novas variantes mais comunicáveis.

A economia mundial está em crise e a recuperação provavelmente será frágil e desigual, exacerbando fatores de conflito e instabilidade, enfatiza o documento.

Tal situação aumenta a urgência para a implantação de um maior número de vacinas em todo o mundo e, assim, encerrar a fase aguda da pandemia.

Em abril de 2020, Guterres enfatizou que, embora a Covid-19 fosse uma crise de saúde, suas implicações eram de longo alcance e até ameaçavam a paz e a segurança internacionais.

Da mesma forma, o Secretário-Geral apelou a um cessar-fogo global para concentrar todas as forças no enfrentamento da doença mortal.

O Conselho de Segurança, por sua vez, aprovou uma resolução que apóia esse apelo por um cessar-fogo global para responder à crise de saúde.

A sessão desta quarta-feira dará seguimento à aplicação desta resolução, informa a Prensa Latina.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email