Contra crise, Dilma pede cooperação interregional

"Em um mundo altamente globalizado (...), essa cooperação interregional passa a ser um elemento fundamental para a superação e para a construção de um mundo que cresce, que distribui renda e que beneficia as suas populações", disse a presidente Dilma Rousseff, em Santiago, após encontro com o presidente do Chile, Sebastián Piñera. A presidente também defendeu integração viária e ferroviária com Chile e anunciou acordo que permitirá ao Brasil usar base chilena na Antártida

Contra crise, Dilma pede cooperação interregional
Contra crise, Dilma pede cooperação interregional (Foto: Roberto Stuckert Filho)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Blog do Planalto - A presidenta Dilma Rousseff disse neste sábado (26), em Santiago, após encontro com o presidente do Chile, Sebastián Piñera, que a cooperação interregional é um elemento fundamental para superar a crise internacional. Ela elogiou Piñera pela organização da I Cúpula da Comunidade dos Países Latino-Americanos (CELAC) – União Europeia. Segundo Dilma, que participará da abertura da cúpula nesta tarde, o encontro tem uma importância histórica.

"Em um mundo altamente globalizado e um mundo que vive uma conjuntura em que os temas da integração e da integração regional e do enfrentamento às dificuldades que as crises nos países desenvolvidos lançaram sobre o mundo, essa cooperação interregional, ela passa a ser um elemento fundamental para a superação e para a construção de um mundo que cresce, que distribui renda e que beneficia as suas populações", disse.

A presidenta assinou acordos de cooperação com o Chile nas áreas educacional, para o intercâmbio de professores e pesquisadores; e científica, que prevê a utilização por cientistas brasileiros da base chilena na Antártica até que a base brasileira, destruída parcialmente durante um incêndio em fevereiro de 2012, seja reconstruída.

"No que se refere a nossas relações bilaterais, nós aprofundamos os temas energéticos (...) Eu acredito também que ficou claro o nosso imenso potencial de cooperação nas áreas de ciência e tecnologia. Nós acabamos de assinar este acordo, que o presidente Piñera falou muito bem, sobre o continente branco, e nós agradecemos essa cooperação ao Chile, principalmente diante da importância para o Brasil dessa cooperação, diante dos fatos que aconteceram na nossa base", afirmou.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247