Dilma Rousseff é ovacionada em palestra na Universidade de Sorbonne

A ex-presidente Dilma Rousseff, que está em giro pela França, foi aplaudida de pé nesta terça-feira, 17, em palestra na Universidade Sorbonne, em Paris. Dilma também teve encontros com políticos progressistas da França, como o ex-presidente François Hollande e a prefeita de Paris, Anne Hidalgo

Revista Fórum - Em giro pela França, que começou no sábado (14), a ex-presidenta Dilma Rousseff está realizando uma série de palestras e entrevistas sobre a crise da democracia na América Latina. Nesta terça (17), antes de sua fala na universidade parisiense Sorbonne, em conferência que questiona se “o Brasil ainda é o país do futuro”, Dilma foi recebida por muitos aplausos e gritos de apoio por parte do público presente.

O deputado francês, ex-candidato à presidência e atual líder do movimento França Insubmissa, Jean Luc Mélenchon, recebeu a ex-presidenta em seu gabinete nesta terça (17), para discutir o cenário político no Brasil. Há algumas semanas atrás, seu encontro foi com o ex-presidente Lula, em Curitiba. 

As palestras de Dilma ocorrem em meio a uma série de tensões entre os governos do Brasil e da França, com trocas de ataques entre os presidentes Jair Bolsonaro e Emmanuel Macron. Durante o encontro com Dilma, Mélenchon comparou os dois presidentes, os quais ele chamou de “violentos”. “Estamos em um momento muito delicado na França, o senhorzinho é muito violento, assim como o seu, o Bolsonaro”, criticou.

A ex-presidenta também teve encontros com outros políticos progressistas e de esquerda, como o ex-presidente François Hollande e a prefeita de Paris, Anne Hidalgo.

Inscreva-se na TV 247 e assista ao vídeo, enviado ao 247 por Teresa Lopes:

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247