Direitista Orban, amigo de Bolsonaro, sofre derrota eleitoral na Hungria

Uma coligação da oposição de centro-esquerda derrotou na capital Budapeste o governo de extrema direita da Hungria chefiado por Viktor Orban. É mais um amigo de Jair Bolsonaro que é derrotado nas urnas

Viktor Orban
Viktor Orban (Foto: REUTERS/Laszlo Balogh )

247 - As agências de notícias internacionais destacam a derrota neste domingo (13) do partido do primeiro-ministro húngaro, o ultradireitista Viktor Orbán, nas eleições municipais de Budapeste. 

A oposição se uniu em torno de um candidato de centro-esquerda, informa a Folha de S.Paulo. Apurados 81% dos votos, o opositor Gergely Karacsony vencia com 50,6% dos votos o atual prefeito e candidato à reeleição, Istvan Tarlos.  O conservador Tarlos, que governava Budapeste desde 2010, ligou para seu adversário para cumprimentá-lo, disse um de seus porta-vozes à agência AFP.  A vitória é considerada o maior feito eleitoral da oposição húngara nesta década.

Ao vivo na TV 247 Youtube 247