'É impossível', diz Erdogan sobre Turquia apoiar entrada da Finlândia e da Suécia na Otan

Segundo o líder turco, as nações escandinavas têm como histórico não extraditar militantes curdos, e as chamou de países que servem de "hospedagem para organizações terroristas"

www.brasil247.com - Tayyip Erdogan
Tayyip Erdogan (Foto: Umit Bektas/Reuters)


Sputnik - Nesta segunda-feira (16), o presidente, Recep Tayyip Erdogan, disse que a Turquia não pode dizer "sim" à adesão da Finlândia e da Suécia à Otan, acrescentando que é "impossível".

"Não podemos dizer sim. Caso contrário, a Otan não será uma organização de segurança, mas se tornará um lugar onde haverá muitos representantes de terroristas. Não podemos dizer sim, sem ofensa", disse o líder turco durante um briefing hoje (16). 

Segundo erdogan, Ancara não pode acreditar nas garantias dos dois países de que não apoiarão "terroristas". 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Por "terroristas", a Turquia identifica curdos residentes na Suécia e na Finlândia que são suspeitos de serem afiliados aos grupos militantes curdos PKK e YPG, e seguidores do clérigo islâmico Fethullah Gulen, que vive nos EUA.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Continuando, o mandatário também disse que Ancara não diria "sim" àqueles que impõem sanções à Turquia. Entretanto, ao mesmo tempo Erdogan anunciou que delegações da Finlândia e da Suécia visitarão a Turquia na segunda-feira (23).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

De acordo com Ancara, a Suécia e a Finlândia até agora rejeitaram os pedidos da Turquia para extraditar um total de 33 suspeitos supostamente ligados ao PKK e ao movimento Gulen, que, acredita o governo de Erdogan, estava por trás da tentativa fracassada de golpe em 2016.

Tanto Estocolmo quanto Helsinque anunciaram oficialmente sua intenção de se candidatar à Otan. No entanto, o goveno russo já se pronunciou sobre o assunto e disse que a adesão dos países à Aliança Atlântica pode provocar "medidas técnico-militares" por parte de Moscou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista: 

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email