Em discurso patético, Bolsonaro faz Brasil passar vergonha nos EUA

Na cerimônia que marcou a entrega da Base de Alcântara aos Estados Unidos, o presidente Jair Bolsonaro falou do atentado que sofreu na campanha, disse que os governos Lula e Dilma fizeram governos antiamericanos, declarou admirar ex-presidente norte-americano Ronald Reagan e fez declarações bizarras como "somos tementes a Deus. Somos contra o politicamente correto e a ideologia de gênero" e "não sou homofóbico"

Em discurso patético, Bolsonaro faz Brasil passar vergonha nos EUA
Em discurso patético, Bolsonaro faz Brasil passar vergonha nos EUA (Foto: Alan Santos/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Na cerimônia que marcou a entrega da Base de Alcântara aos Estados Unidos, na tarde desta segunda-feira (18), o presidente Jair Bolsonaro fez um discurso patético, mais uma vez fazendo o Brasil passar vergonha.

Ele falou do atentado que sofreu na campanha, disse que os governos Lula e Dilma fizeram governos antiamericanos, declarou admirar ex-presidente norte-americano Ronald Reagan e fez declarações bizarras como "somos tementes a Deus. Somos contra o politicamente correto e a ideologia de gênero".

O presidente ainda ressaltou que não seria homofóbico, rindo em seguida e arrancando risadas dos brasileiros que o acompanhavam no evento.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247