Erdogan: vamos boicotar produtos eletrônicos dos EUA

O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, declarou que as empresas têm intenção de boicotar a importação de produtos eletrônicos produzidos pelos EUA; "Há um ataque econômico contra a Turquia. Anteriormente, essas coisas eram feitas de uma maneira mais secreta, mas agora eles nos atacam abertamente"

Erdogan: vamos boicotar produtos eletrônicos dos EUA
Erdogan: vamos boicotar produtos eletrônicos dos EUA (Foto: Osman Orsal - Reuters)

Agência Sputnik - As relações entre Ancara e Washington se deterioraram devido ao caso do pastor evangélico norte-americano Andrew Brunson, preso na Turquia, bem como a questões tarifárias e às contradições sobre a compra de sistemas de armas russos.

O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, declarou nesta terça-feira (14) que as empresas têm intenção de boicotar a importação de produtos eletrônicos produzidos pelos EUA. "Há um ataque econômico contra a Turquia. Anteriormente, essas coisas eram feitas de uma maneira mais secreta, mas agora eles nos atacam abertamente", o presidente turco disse ao canal de televisão TGRT Haber.

"Podemos fazer duas coisas, econômica e politicamente. De uma posição econômica, tomamos medidas, o nosso Ministério das Finanças e do Tesouro estão trabalhando dia e noite. Além disso, vamos boicotar os produtos eletrônicos dos EUA. Eles têm o iPhone, mas por outro lado, há a Samsung. Nós temos a marca local Venus Vestel, vamos usá-la", disse Erdogan.

Anteriormente, o presidente turco disse em coletiva de imprensa que os Estados Unidos buscam "apunhalar seu país pelas costas", apesar de serem aliados da OTAN. Além disso, Erdogan avisou Washington que seu país poderia buscar novos aliados se os EUA não mostrassem respeito e reciprocidade nas relações bilaterais com Ancara.

As declarações de Erdogan se produzem no contexto da baixa histórica da moeda turca em relação ao dólar americano registrada depois que os EUA decidiram sancionar na semana passada os ministros turcos e duplicar as tarifas do alumínio e aço na Turquia, que estão fixadas em 20% e 50%, respectivamente.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247