EUA dizem que querem diálogo com Coreia do Norte mesmo com teste de mísseis

O secretário de Estado dos Estados Unidos, Mike Pompeo, se mostrou a favor nesta quinta-feira (1º/8) da continuidade do diálogo com a Coreia do Norte, mesmo depois que Pyongyang testou um novo sistema de mísseis teleguiados

(Foto: Reuters)

EFE - O secretário de Estado dos Estados Unidos, Mike Pompeo, se mostrou a favor nesta quinta-feira (1º/8) da continuidade do diálogo com a Coreia do Norte, mesmo depois que Pyongyang testou um novo sistema de mísseis teleguiados.

"Estamos prontos para seguir com as conversas com a Coreia do Norte", disse Pompeo em entrevista coletiva em Bangcoc durante a cúpula de ministros de Relações Exteriores da Associação de Nações do Sudeste Asiático (ASEAN) e parceiros externos.

O secretário de Estado se mostrou "otimista" com relação à retomada de contatos entre seu país e Pyongyang, embora não tenha especificado nenhuma data, ao ser questionado sobre o lançamento de mísseis norte-coreanos na madrugada de quarta-feira, o segundo em menos de uma semana.

Trata-se dos primeiros testes militares realizados por Pyongyang após a histórica cúpula entre o líder Kim Jong-un e o presidente americano, Donald Trump, no último dia 30 de junho na fronteira entre as duas Coreias.

Estes testes balísticos foram interpretados como uma reação aos exercícios militares programados para o mês que vem entre os Estados Unidos e a Coreia do Sul, chamados 19-2 Dong Maeng, que terão um desdobramento menor do que em outras ocasiões.

Pompeo abordou em Bangcoc a desnuclearização da Coreia do Norte com seu homólogo chinês, Wang Yi, que elogiou a intenção dos EUA para retomar os contatos com as autoridades norte-coreanas.

A delegação da Coreia do Norte é representada pelo seu embaixador em Bangcoc, Kim Je Bong, no lugar do titular de Relações Exteriores, Ri Yong-ho, como em reuniões anteriores da ASEAN.

O presidente americano e Kim se reuniram pela primeira vez em 12 de junho do ano passado em Singapura com o objetivo de alcançar a paz e conseguir a desnuclearização da península da Coreia. 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247