EUA interferem em missão da Unasul sobre Venezuela

País de Barack Obama pressiona comissão a dar voz a opositores contra o presidente Nicolás Maduro e defende Brasil como terceira parte na mediação para garantir equilíbrio

País de Barack Obama pressiona comissão a dar voz a opositores contra o presidente Nicolás Maduro e defende Brasil como terceira parte na mediação para garantir equilíbrio
País de Barack Obama pressiona comissão a dar voz a opositores contra o presidente Nicolás Maduro e defende Brasil como terceira parte na mediação para garantir equilíbrio (Foto: Roberta Namour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Os EUA voltam a interferir na crise na de Venezuela e pressionam comissão da União de Nações Sul-Americanas (Unasul) a dar voz a opositores, contra o presidente Nicolás Maduro.

O país de Barack Obama defenderia a participação de uma terceira parte na mediação para garantir equilíbrio e sugere o Brasil para a tarefa.

Os protestos iniciados há um mês, na Venezuela, causaram a morte de 28 pessoas e deixaram 265 feridos. O presidente venezuelano deu ordens às forças de segurança para controlar os focos de violência no país e deter quem financia os grupos violentos.

Leia aqui a matéria do Estado de S. Paulo sobre o assunto.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email