EUA vetam nova resolução do Conselho de Segurança da ONU pedindo cessar-fogo em Gaza

"O resultado decepcionante não nos desencorajará de continuar a implorar que ponham fim à violência", disse o representante dos Emirados Árabes Unidos após o veto

Reunião do Conselho de Segurança da ONU
Reunião do Conselho de Segurança da ONU (Foto: REUTERS/Carlo Allegri)


✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - Os Estados Unidos vetaram nesta sexta-feira (8) mais uma resolução do Conselho de Segurança da ONU, proposta pelos Emirados Árabes Unidos, que pedia um cessar-fogo humanitário imediato em Gaza. Treze membros votaram a favor e um se absteve (Reino Unido). 

Segundo a agência Sputnik, a proposta de resolução exigia "um cessar-fogo humanitário imediato" e "a libertação imediata e incondicional de todos os reféns, bem como a garantia de acesso humanitário."

continua após o anúncio

Na quinta-feira, o vice-embaixador dos EUA nas Nações Unidas, Robert Wood, disse que os Estados Unidos acreditam que outra resolução do Conselho de Segurança da ONU sobre Gaza não será útil no momento.

Wood disse após a votação desta sexta que a resolução vetada é irrealista e perigosa. "De forma talvez mais irrealista, essa resolução mantém um pedido de cessar-fogo incondicional", disse Wood durante a reunião sobre a guerra de Israel contra a Palestina. 

continua após o anúncio

"Eu expliquei em meus comentários esta manhã por que isso não é apenas irrealista, mas perigoso, simplesmente deixaria o Hamas no lugar, capaz de se reagrupar e repetir o que fez em 7 de outubro". 

Ele também disse não entender por que a resolução do Conselho de Segurança da ONU elaborada pelos Emirados Árabes Unidos não condena o ataque do Hamas a Israel em outubro. 

continua após o anúncio

“Ainda não conseguimos compreender por que os autores das resoluções se recusaram a incluir linguagem condenando o horrível ataque terrorista do Hamas a Israel em 7 de outubro”, disse Wood.

Os Emirados Árabes Unidos estão decepcionados com o veto dos EUA à sua resolução sobre Gaza e continuarão seu trabalho no Conselho para acabar com a violência em Gaza, disse o vice-embaixador do país na ONU, Mohamed Issa Abushahab. 

continua após o anúncio

"O resultado decepcionante desta votação não nos desencorajará de continuar a implorar aos membros do conselho que ajam e ponham fim à violência em Gaza", disse Abushahab aos membros do Conselho de Segurança. 

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

continua após o anúncio

Ao vivo na TV 247

Cortes 247