CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Mundo

Eurobônus vai agravar a crise, teme governo alemão

Ministro das finanas da Alemanha diz que os bnus emitidos na zona do euro custaro bilhes aos pases da Unio Europeia

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

O Ministério das Finanças da Alemanha acredita que os bônus comuns da zona do euro terão um custo para o país de bilhões de euros com o pagamento de juros adicionais a partir do primeiro ano, informa o preview de uma matéria que a revista Der Spiegel publicará na segunda-feira. O Ministério das Finanças calcula que os bônus comuns da zona do euro representariam, no primeiro ano, um custo adicional de até 2,5 bilhões de euros para a Alemanha e o dobro desse montante no segundo ano, em razão das taxas de juros mais elevadas que o país pagaria em relação ao rendimento oferecido hoje pelos bunds - os títulos alemães, informa a Der Spiegel, sem detalhar a fonte da notícia.

Em dez anos, a fatura dos bônus comuns da zona do euro para a Alemanha seria de 20 bilhões de euros a 25 bilhões de euros superior aos desembolsos previstos com o uso apenas de bunds. A emissão de bônus comuns da zona do euro tem sido sugerida como uma solução para a deterioração da crise da dívida. Os papéis seriam conjuntamente emitidos em nome dos 17 governos da zona do euro, tornando o bloco coletivamente responsável pelas obrigações desse papel de dívida. Um porta-voz do Ministério das Finanças da Alemanha não fez comentários até o momento de publicação da notícia. As informações são da Dow Jones.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO