Exército brasileiro é acusado de maus tratos no Haiti

A Misso das Naes Unidas investiga denncia de agresso contra trs jovens por um grupo de oito membros da equipe brasileira

Exército brasileiro é acusado de maus tratos no Haiti
Exército brasileiro é acusado de maus tratos no Haiti (Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

247 com agências internacionais – Uma denúncia de maus tratos por parte de soldados brasileiros fez a Missão das Nações Unidas para a Estabilização do Haiti (Minustah) abrir uma investigação na tarde de ontem. Três jovens teriam sido agredidos por um grupo de oito membros da equipe brasileira no País.

A denúncia se tornou pública na quarta-feira durante uma entrevista coletiva da Rede Nacional de Defesa dos direitos Humanos (RNDDH). A imprensa haitiana publicou imagens que mostram sinais de ferimentos nos corpos das supostas vítimas.

A missão de paz da ONU tem tido dificuldade em controlar os casos de violência no País. Em setembro, a RNDDH afirmou em um relatório que, desde sua chegada ao Haiti em 2004, vários agentes da Minustah estiveram envolvidos em casos de estupro, roubo, assassinato e detenções ilegais e arbitrários. Uma lista de 111 nomes de agentes pertencentes ao contingente de Sri Lanka foi divulgada na época por envolvimento em um caso de abuso e exploração sexual de menores.

 

Ao vivo na TV 247 Youtube 247