CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Mundo

Exército de Israel não confirma informação de que Hamas teria decapitado bebês, diz agência turca

Foi divulgado inicialmente que o braço armado do Hamas, as Brigadas Qassam, "decapitou muitos bebês israelenses"

(Foto: Reprodução/Twitter)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - O Exército de Israel não tem informações para confirmar as alegações de que "o Hamas decapitou bebês", disse a unidade porta-voz do exército israelense à agência Anadolu na terça-feira (10). "Vimos as notícias, mas não temos quaisquer detalhes ou confirmação sobre isso". Inicialmente, as estatísticas divulgadas na imprensa internacional apontaram a morte de ao menos 40 bebês. Foi divulgado que o braço armado do Hamas, as Brigadas Qassam, "decapitou muitos bebês israelenses".

A nova guerra começou no último sábado (7). O governo de Israel afirmou ter sido atacado por integrantes do grupo islâmico Hamas na Faixa de Gaza. Mais de 1.900 pessoas foram mortas até agora na violência, incluindo pelo menos 900 palestinos e 1.000 israelenses, segundo as autoridades.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Localizada no continente asiático, a Palestina é formada pela Cisjordânia e pela Faixa de Gaza, esta última foi tomada por Israel na Guerra dos Seis Dias, em 1967, e entregue aos palestinos em 2005. Palestinos dizem que a capital de regiões ocupadas por eles é Jerusalém Oriental.

Apesar de negociações envolvendo autoridades internacionais ao longo das décadas, ainda existem fronteiras que não estão bem definidas na prática e, por consequência, geram disputas geopolíticas.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Carregando...

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Carregando...

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO