Feliz aniversário, Velcro!

A cola milagrosa inventada pelo engenheiro suo George de Mestral (foto) completa, este ano, seis dcadas de uso no mundo inteiro

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Adesivo milagroso. Colagem perfeita. Invenção multiuso. Todas as descrições podem se encaixar ao velcro, material composto por voltas e ganchos capazes de conectar objetos com mais força do que qualquer cola. Este ano, o mundo comemora o 60º aniversário do produto, usado de diversas formas. O nome velcro é uma referência às palavras francesas velours (veludo, em português) e crochet (gancho).

A ideia para seu desenvolvimento surgiu na cabeça do engenheiro suíço George de Mestral, que caminhava na floresta com seu cachorro quando percebeu que o carrapicho os incomodava frequentemente, sempre grudando em suas roupas. Mestral analisou a planta pelo microscópio e chegou à conclusão de que era possível criar algo com uma aderência tão ou mais forte que a do carrapicho. Em outras palavras, um produto capaz de unir dois materiais de maneira simples e segura. De um lado, ganchos, que se encaixavam aos laços presos no tecido oposto. Dez anos depois, nascia o velcro.

Com a criação pronta, o engenheiro submeteu o material a um pedido de patente, por meio da empresa que fundou, a Velcro S.A. Este mês, completam-se 53 anos de registro da marca. E o velcro é utilizado em qualquer tipo de material, macio ou resistente, emitindo um som bastante característico.

Abaixo, dois vídeos bastante interessantes mostram como a ideia surgiu para George de Mestral.

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=AQcENchQXAk#at=74

http://vimeo.com/2677586

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email