França faz ataque aéreo contra Estado Islâmico na Síria

A França disse neste domingo (27) que lançou seu primeiro ataque aéreo contra o Estado Islâmico na Síria em um ato de "legítima defesa" para impedir que o grupo realizasse ataques dentro da França; o primeiro-ministro Manuel Valls disse que os ataques tinham como alvo os centros de treinamento do Estado Islâmico onde militantes estavam sendo preparados para realizar ataques na França; "Estamos atingindo o Daesh porque essa organização terrorista prepara ataques contra a França a partir da Síria. Estamos agindo em legítima defesa", disse Valls

A França disse neste domingo (27) que lançou seu primeiro ataque aéreo contra o Estado Islâmico na Síria em um ato de "legítima defesa" para impedir que o grupo realizasse ataques dentro da França; o primeiro-ministro Manuel Valls disse que os ataques tinham como alvo os centros de treinamento do Estado Islâmico onde militantes estavam sendo preparados para realizar ataques na França; "Estamos atingindo o Daesh porque essa organização terrorista prepara ataques contra a França a partir da Síria. Estamos agindo em legítima defesa", disse Valls
A França disse neste domingo (27) que lançou seu primeiro ataque aéreo contra o Estado Islâmico na Síria em um ato de "legítima defesa" para impedir que o grupo realizasse ataques dentro da França; o primeiro-ministro Manuel Valls disse que os ataques tinham como alvo os centros de treinamento do Estado Islâmico onde militantes estavam sendo preparados para realizar ataques na França; "Estamos atingindo o Daesh porque essa organização terrorista prepara ataques contra a França a partir da Síria. Estamos agindo em legítima defesa", disse Valls (Foto: Valter Lima)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

PARIS (Reuters) - A França disse neste domingo que lançou seu primeiro ataque aéreo contra o Estado Islâmico na Síria em um ato de "legítima defesa" para impedir que o grupo realizasse ataques dentro da França.

O primeiro-ministro Manuel Valls disse à emissora BFM-TV que os ataques tinham como alvo os centros de treinamento do Estado Islâmico onde militantes estavam sendo preparados para realizar ataques na França.

"Estamos atingindo o Daesh porque essa organização terrorista prepara ataques contra a França a partir da Síria. Estamos agindo em legítima defesa", disse Valls, utilizando o nome árabe do Estado Islâmico.

O anúncio foi feito algumas horas antes de o presidente François Hollande participar de uma reunião de líderes mundiais no início da assembleia geral das Nações Unidas em Nova York.

"Nosso país confirma seu comprometimento resoluto em lutar contra a ameaça terrorista representada pelo Daesh (Estado Islâmico). Vamos atacar toda vez que nossa segurança nacional estiver em risco", disse a presidência francesa em comunicado.

Militantes islâmicos realizaram diversos ataques na França este ano, incluindo um contra a redação do semanal satírico Charlie Hebdo no qual 12 pessoas morreram.

Uma fonte da presidência disse que os ataques foram promovidos no início da manhã deste domingo.

(Por Dominique Vidalon)

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247