Fúria egípcia sobre embaixada de Israel no Cairo; decretado estado de emergência no país; embaixador retorna em avião militar

Prdio foi atacado por multido, invadido e incendiado; documentos queimados; ao se deu em represlia morte de cinco policiais egpcios por tropas israelenses; crise diplomtica instalada

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Na noite da sexta-feira, a Embaixada de Israel no Egito foi invadida por cerca de 30 manifestantes na noite de sexta-feira. Com aríetes improvisados e extrema fúria, a sede israelense foi quebrada e saqueada. Centenas de documentos foram jogados pelas janelas do primeiro andar do prédio direto para uma fogueira. A polícia egípcia, aparentemente, não conseguiu evitar a invasão, em uma noite de distúrbios que se espalharam pelo Cairo e por Alexandria.

A junta militar do Egito declarou estado de emergência no país na madrugada do sábado, pelo horário local, após a Embaixada de Israel no Cairo ter sido invadida por manifestantes na noite da sexta-feira. Segundo a emissora Al Jazeera, a junta militar pediu uma reunião de emergência do gabinete de crises para o sábado.

O Embaixador de Israel no Egito, Yitzhak Levanon, aguarda na madrugada do sábado no aeroporto do Cairo, pelo horário local, um avião militar israelense que o levará de volta a Israel, junto com sua família e funcionários israelenses da embaixada. A informação partiu de funcionários do aeroporto do Cairo. Nesta sexta-feira, a Embaixada de Israel no Egito foi invadida por cerca de 30 manifestantes, que jogaram centenas de documentos pelas janelas do primeiro andar do prédio. A polícia egípcia, aparentemente, não conseguiu evitar a invasão, em uma noite de distúrbios que se espalharam pelo Cairo e por Alexandria.

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, telefonou para o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, manifestando preocupação com a invasão da Embaixada de Israel no Cairo. Obama também telefonou para a junta militar do Egito e pediu aos governantes do país que protejam a embaixada israelense.

 

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247