Governo russo abre inquérito para apurar acusações contra o país sobre Bucha

O Comitê de Investigação da Rússia disse que pretende apurar relatos de supostos assassinatos de civis na cidade ucraniana de Bucha

www.brasil247.com -
(Foto: Reuters/Zohra Bensemra)


247, com Agência Sputnik - O Comitê de Investigação da Rússia (principal autoridade investigativa do país) instaurou um processo criminal sobre desinformação lançada contra as Forças Armadas do país, ligada a relatos de supostos assassinatos de civis na cidade ucraniana de Bucha, segundo informou o periódico do comitê nesta sexta-feira (15). A Ucrânia afirmou ter identificado 900 civis mortos em Bucha. 

No início do mês, tropas russas foram acusadas de assassinatos em massa de civis em Bucha, uma cidade perto de Kiev, deixada pelos militares russos após as negociações de Istambul no fim de março.

O embaixador russo na Organização das Nações Unidas (ONU), Vasily Nebenzya, criticou o que chamou de "falsificações" e afirmou que as forças radicais ucranianas têm cometido abusos contra civis e prisioneiros de guerra em territórios não controlados pela Rússia.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

"O Comitê de Investigação da Rússia abriu um processo criminal com base no artigo 207.3 do Código Penal russo (divulgação pública de informações deliberadamente falsas sobre as ações das Forças Armadas russas)", informou a publicação hoje (15).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Tropas da Rússia entraram em solo ucraniano no dia 24 de fevereiro. O país é contra a entrada da Ucrânia na Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN), liderada pelos Estados Unidos, que tentam ampliar a influência na Europa. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email