Invasão ao Capitólio: homem fotografado em escritório de presidente da Câmara é preso pelo FBI

Richard Barnett, de 60 anos, foi preso na cidade de Gravette, Arkansas. Ele é investigado por invadir e permanecer dentro de áreas restritas do Capitólio dos EUA. Ele pode responder por apropriação indevida de propriedade pública

Richard Barnett tira foto em escritório de Nancy Pelosi
Richard Barnett tira foto em escritório de Nancy Pelosi (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O homem fotografado no escritório da presidente da Câmara dos Estados Unidos, Nancy Pelosi, durante a invasão trumpista ao Capitólio, foi preso nesta sexta-feira, 8, pelo FBI, departamento federal de investigação policial nos EUA.

Richard Barnett, de 60 anos, foi preso na cidade de Gravette, Arkansas, informou a prefeitura local. Ele é investigado por invadir e permanecer dentro de áreas restritas do Capitólio dos EUA. Ele pode responder por apropriação indevida de propriedade pública.

O computador de um assessor de Pelosi teria sido furtado durante a invasão.

Na quarta-feira, 6, milhares de manifestantes invadiram o Capitólio dos EUA contra a confirmação da eleição de Joe Biden pelo Congresso. Diversos deles postaram fotos de dentro das dependências do Congresso, usando telefones e outros dispositivos.

O FBI e a polícia de Washington DC estão pedindo ajuda para identificar pessoas que participaram da invasão ao Capitólio. Além disso, no mesmo dia, foram colocadas bombas dentro das sedes dos partidos Republicano - de Donald Trump - e Democrata - de Joe Biden. O FBI também pede ajuda - e oferece dinheiro - para quem ajudar a localizar os suspeitos.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247