Irã pede detenção de Trump à Interpol por assassinato do general Soleimani

Líder militar iraniano foi alvo de ataque planejado pelo exército norte-americano, e por isso a República Islâmica pede a prisão do presidente e 47 militares desse país presentes no Iraque

(Foto: Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Revista Fórum - O governo do Irã revelou nesta terça-feira (5) que solicitou à Interpol a detenção de Donald Trump e de 47 militares, entre autoridades do Pentágono e oficiais integrantes das forças estadunidenses presentes no Iraque, por suas responsabilidades no assassinato do general Qassem Soleimani.

O líder militar iraniano morreu no dia 3 de janeiro de 2020, quando estava em um local próximo ao aeroporto de Bagdá, no Iraque, que foi alvo de um bombardeio realizado pelo exército dos Estados Unidos.

Segundo a agência de notícias iraniana Fars, o país quer que a Interpol emita um “alerta vermelho”, o aviso de mais alto nível da organização, que implica em uma ordem enviada a todas as agências no mundo inteiro para localizar, capturar e prender provisoriamente uma pessoa pendente de extradição ou ação legal semelhante.

Leia mais na Fórum.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email