Irlanda convocará referendo sobre disciplina orçamentária

Se os irlandeses rejeitarem o tratado, a credibilidade e a viabilidade poltica de sua implementao estaro sob risco. O Pas tambm poder sair do euro

Irlanda convocará referendo sobre disciplina orçamentária
Irlanda convocará referendo sobre disciplina orçamentária (Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 com agências internacionais - O governo irlandês decidiu jogar nas mãos da população com um referendo a ratificação do novo tratado da União Europeia (UE) sobre disciplina orçamentária. A manobra cria incertezas para toda a zona do euro,

A informação foi divulgada nesta terça no Parlamento pelo primeiro-ministro irlandês, Enda Kenny, depois que a Procuradoria Geral do Estado concluiu que a adesão da Irlanda ao tratado modificaria sua Constituição, motivo pelo qual o governo é obrigado a realizar uma consulta popular.

O pacto estabelece regras de austeridade fiscal para evitar novas crises como a atual, em países como a Grécia.

Este condicionante legal já causou sérios problemas a Dublin e Bruxelas e provocou diversos bloqueios após a rejeição dos irlandeses nas urnas.

Se os irlandeses votarem por rejeitar o tratado, a credibilidade das novas medidas e a viabilidade política de sua implementação estarão sob risco. A Irlanda também poderá ter de sair do euro.

O primeiro-ministro não revelou a data da consulta popular, mas explicou que o ministério correspondente começará os preparativos nas "próximas semanas" com o estabelecimento de uma "Comissão de Plebiscito".

Esse novo referendo será realizado em um momento de crise econômica e implementação de medidas de austeridade na Irlanda, o que pode dificultar sua aprovação.

Os eleitores irlandeses já se manifestaram contrários à União Europeia em consultas anteriores.

Em 2008 o eleitorado irlandês rejeitou o Tratado de Lisboa em uma consulta popular, mas um ano depois deu sinal verde a um texto modificado.

O mesmo ocorreu em 2002, quando os irlandeses aprovaram nas urnas o Tratado de Nice, após terem rejeitado o documento um ano antes.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email