Latuff ironiza entrada da CIA nas redes sociais

Chargista Carlos Latuff, em sua mais nova ilustração para o Brasil 247, trata da entrada da CIA nas redes sociais; a agência, que por muito tempo monitorou e espionou as redes sociais para descobrir tendências globais e perseguir malfeitores, abriu oficialmente na sexta-feira (6) contas no Twitter e no Facebook

www.brasil247.com - Chargista Carlos Latuff, em sua mais nova ilustração para o Brasil 247, trata da entrada da CIA nas redes sociais; a agência, que por muito tempo monitorou e espionou as redes sociais para descobrir tendências globais e perseguir malfeitores, abriu oficialmente na sexta-feira (6) contas no Twitter e no Facebook
Chargista Carlos Latuff, em sua mais nova ilustração para o Brasil 247, trata da entrada da CIA nas redes sociais; a agência, que por muito tempo monitorou e espionou as redes sociais para descobrir tendências globais e perseguir malfeitores, abriu oficialmente na sexta-feira (6) contas no Twitter e no Facebook (Foto: Valter Lima)


247 - O chargista Carlos Latuff, em sua mais nova ilustração para o Brasil 247, ironiza a entrada da CIA nas redes sociais. A agência, que por muito tempo monitorou e espionou as redes sociais para descobrir tendências globais e perseguir malfeitores, abriu oficialmente na sexta-feira (6) contas no Twitter e no Facebook.

Segundo a agência de espionagem, objetivo é difundir sua mensagem da melhor forma e se envolver mais diretamente com o público. Será?

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email