Maduro estende por mais 30 dias quarentena na Venezuela

O país tem apenas 175 casos de coronavírus, 9 óbitos e 53% de taxa de recuperação, segundo dados do governo

(Foto: Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, anunciou mais 30 dias de Estado de Alarme Constitucional e isolamento social, “consciente e voluntário”, em seu Twitter, neste domingo, 12. O venezuelano, porém, disse que o momento ainda não é o de “cantar vitória” mas de união para conter a propagação da pandemia do coronavírus.

Maduro agradeceu o “esforço dos camponeses, trabalhadores e empresários” para manter a atividade econômica ativa. Para ele, “não há contradição entre saúde e produtividade”. E afirmou: “contem comigo para apoiá-los em que precisarem”.

Em entrevista à TV venezuelana, VTV, disse que “para a economia pós-pandemia será fundamental um mercado de petróleo estável”, a commodity é responsável pela grande maioria da economia do país e tem sido afetada pela crise econômica mundial (agravada pela pandemia do coronavírus). 

No Sábado, 11, o governo anunciou que, em 24 horas, o país não registrou nenhum novo caso de Covid-19, o que mantém o número de casos em 175, com 9 óbitos. O vice-presidente de Comunicação e Cultura da Venezuela, Jorge Rodríguez, ressaltou que a taxa de recuperação do país é de 53% - 66 vezes maior à do Brasil.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247