Maduro: Venezuela está de pé, enfrentando ameaças do imperialismo

Na passagem do aniversário do Grito da Independência em Caracas, o líder venezuelano voltou a demonstrar decisão de enfrentar as ameaças dos EUA

Na passagem do aniversário do Grito da Independência em Caracas, o líder venezuelano voltou a demonstrar decisão de enfrentar as ameaças dos EUA
Na passagem do aniversário do Grito da Independência em Caracas, o líder venezuelano voltou a demonstrar decisão de enfrentar as ameaças dos EUA (Foto: Reinaldo)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247, com AVN - O povo e o governo da Venezuela se mantêm firmes na defesa de sua soberania com o mesmo ímpeto do 19 de abril de 1810, quando se deu em Caracas o primeiro grito de independência, disse o presidente do país, Nicolás Maduro.

"Há 208 anos, nesta data o povo venezuelano tomou a decisão de ser livre dando o primeiro passo para alcançar a independência e deixar de ser uma colônia da Espanha. Hoje, diante das pretensões do imperialismo para minar nossa soberania, mantemo-nos em pé de luta", escreveu o chefe de Estado venezuelano no Twitter.

A façanha de 19 de abril de 1810 marcou a separação do povo venezuelano do colonialismo espanhol, quando Caracas manifestou sua decisão de superar definitivamente esse esquema de dominação.

Mais de 200 anos depois, o país enfrenta agora ameaças dos Estados Unidos e seus aliados, que promovem sanções unilaterais e o bloqueio financeiro como forma de atacar o processo de conquistas iniciado em 1999 com a Revolução Bolivariana.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247