Maradona diz que Macri “cagou a vida de duas gerações inteiras de argentinos”

Declaração foi resposta a entrevista no qual o ex-presidente atacou sua rival política Cristina Kirchner dizendo que ela se compara “a Maradona, em termos de irracionalidade, não em talento”

Maradona e Maurício Macri
Maradona e Maurício Macri (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Fórum - Em entrevista ao canal Todo Notícias (pertencente ao Grupo Clarín), na noite desta segunda-feira (12), Macri insistiu em seu discurso de criticar as medidas do governo de Alberto Fernández, especialmente as quarentenas para conter a propagação do coronavírus, mas fez seus ataques mais importantes à sua maior rival histórica, a vice-presidenta Cristina Kirchner.

[...]

“Tive que fazer algo duríssimo quando fui presidente do Boca Juniors (nos Anos 90), que foi mandar o Maradona embora, porque ele também era meu ídolo, e ídolo de todos os argentinos. Mas isso permitiu fazer um Boca melhor. O peronismo está diante do mesmo desafio, que é o de se separar da Cristina Kirchner. Eu a comparo com Maradona, mas só na irracionalidade, não no talento”, disse Macri.

“A você, Mauricio, tenho que dizer que você não me expulsou de lugar nenhum. Fui eu que saí do futebol, para proteger a saúde dos meus pais. Essa decisão foi minha e não fiz mal a ninguém”, começou dizendo o ex-jogador.

“Não importa quantas bravatas você jogue, no fundo, sabe que o grande problema das suas decisões é que elas cagaram a vida de duas gerações inteiras de argentinos. Assuma o que você fez, querido. Até o seu pai já te disse isso”, continuou a mensagem.

Leia a íntegra na Fórum.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247