CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Mundo

Navios chineses entram em região disputada

Três navios chineses entraram por um breve momento numa área que o Japão considera seu território perto das disputadas ilhas no mar da China Oriental, o que provocou um protesto oficial do governo japonês

Navios chineses entram em região disputada
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Por Kiyoshi Takenaka e Antoni Slodkowski - TÓQUIO, 24 Set (Reuters) - Três navios chineses entraram por um breve momento numa área que o Japão considera seu território perto das disputadas ilhas no mar da China Oriental, nesta segunda-feira, o que provocou um protesto oficial do governo japonês.

Autoridades de ambos os países aumentaram os esforços diplomáticos para esfriar as tensões entre os dois rivais, após um incidente que pode complicar ainda mais a disputa territorial que está ameaçando as relações entre as duas maiores economias da Ásia.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Um grupo de pescadores de Taiwan --que também reivindica posse das ilhas rochosas-- disse que até 100 barcos escoltados por 10 embarcações da Guarda Costeira de Taiwan chegariam à região nesta segunda-feira.

A agência de notícias chinesa Xinhua disse que dois navios civis de vigilância estavam assumindo uma patrulha de "defesa de direitos" perto das ilhas, citando o Departamento do Estado de Administração de Oceanos, que controla os navios. Um navio de patrulha pesqueira foi detectado dentro de águas que também são reclamadas pelo Japão.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O Japão apresentou um protesto oficial. Mais tarde, todos os três navios chineses haviam se afastado, afirmou a Guarda Costeira japonesa.

As relações sino-japonesas deterioraram-se acentuadamente depois que o Japão comprou as ilhas, chamadas de Senkaku no Japão e Diaoyu na China, no início deste mês, o que provocou protestos anti-Japão na China.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

"Nos últimos dias, o Japão tem constantemente provocado incidentes relacionados à questão das ilhas Diaoyu, violando gravemente a soberania territorial da China", disse a agência de notícias chinesa Xinhua.

O vice-ministro de Relações Exteriores japonês, Chikao Kawai, vai visitar a China nesta segunda-feira para discutir relações entre os países com o vice-chanceler chinês, Zhang Zhijun, informou o Ministério das Relações Exteriores do Japão.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

(Reportagem de Kiyoshi Takenaka, Antoni Slodkowski e Dominic Lau, em Tóquio; Chris Buckley, em Pequim; e Pichi Chuang, em Suao, Taiwan)

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Carregando...

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Carregando...

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO