Negociações sobre programa nuclear do Irã devem ir além do prazo

As seis potências mundiais que buscam negociar um acordo com o Irã para limitar o seu programa nuclear planejam continuar o diálogo além do prazo final de terça-feira, disse uma importante autoridade norte-americana neste domingo; o ministro das Relações Exteriores do Irã, Mohammad Javad Zarif, iria deixar Viena e retornar para Teerã para consultas com a liderança do país sobre a situação das negociações

As seis potências mundiais que buscam negociar um acordo com o Irã para limitar o seu programa nuclear planejam continuar o diálogo além do prazo final de terça-feira, disse uma importante autoridade norte-americana neste domingo; o ministro das Relações Exteriores do Irã, Mohammad Javad Zarif, iria deixar Viena e retornar para Teerã para consultas com a liderança do país sobre a situação das negociações
As seis potências mundiais que buscam negociar um acordo com o Irã para limitar o seu programa nuclear planejam continuar o diálogo além do prazo final de terça-feira, disse uma importante autoridade norte-americana neste domingo; o ministro das Relações Exteriores do Irã, Mohammad Javad Zarif, iria deixar Viena e retornar para Teerã para consultas com a liderança do país sobre a situação das negociações (Foto: Leonardo Attuch)

Por Parisa Hafezi e John Irish

VIENA (Reuters) - As seis potências mundiais que buscam negociar um acordo histórico com o Irã para limitar o seu programa nuclear planejam continuar o diálogo além do prazo final de terça-feira, disse uma importante autoridade norte-americana neste domingo.

O ministro das Relações Exteriores do Irã, Mohammad Javad Zarif, iria deixar Viena e retornar para Teerã para consultas com a liderança do país sobre a situação das negociações, disse o Irã.

Autoridades dos dois lados afirmaram que grandes diferenças ainda permanecem. 

A responsável pela política externa da União Europeia, Frederica Mogherini, declarou neste domingo que não é impossível chegar a um acordo até o prazo final estipulado, mas que alguns dias extras talvez sejam necessários.

Ministros de Relações Exteriores dos países negociadores se reuniram em Viena no domingo para avaliar a atual situação do diálogo. Eles esperavam que as conversas fossem entrar no mês de julho.

"Zarif vai retornar ao Irã nesta noite e voltará a Viena amanhã", afirmou a Tasnim, agência de notícias iraniana, citando uma autoridade iraniana não identificada.

Uma autoridade dos Estados Unidos, falando sob condição de anonimato, disse que Washington não está preocupado com a ida de Zarif a Teerã, afirmando que esse tipo de movimento é esperado.

As negociações têm como objetivo limitar o programa nuclear do Irã, e, em troca, seriam suspensas as sanções contra o país. 

Os EUA, Israel e nações ocidentais temem que os iranianos estejam tentando desenvolver armas nucleares, mas o Irã diz que seu programa é para fins pacíficos somente.

As principais diferenças nas negociações são o ritmo e o momento do alívio nas sanções ao Irã e a natureza dos mecanismos de monitoramento do acordo.

(Reportagem adicional de Louis Charbonneau, Arshad Mohammed, Shadia Nasralla e Dan Williams em Jerusalém)

Conheça a TV 247

Mais de Mundo

Ao vivo na TV 247 Youtube 247