Norueguês menciona o Brasil diversas vezes em seu manifesto

"Um pas que tem culturas competitivas vai se dilacerar ou vai acabar como um pas disfuncional, como o Brasil", escreveu o homem que matou 76 pessoas em Oslo

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O Brasil é citado pelo menos 12 vezes no longo manifesto escrito pelo atirador norueguês, Anders Behring Breivik. Escrito em inglês o "An European Declaration of Independence - 2083" (Uma declaração de Independência Europeia - 2083) tem 1,5 mil páginas.

No texto ele diz: "A razão da nossa preocupação e oposição (à miscigenação) deve-se ao fato de que a imigração massiva, a mistura racial e a adoção por não europeus são uma ameaça à unidade da nossa tribo (...). Primeiramente, um país que tem culturas competitivas vai se dilacerar ou vai acabar como um país disfuncional, como o Brasil e outros países".

Segundo o norueguês que matou 76 pessoas na última sexta-feira, essa diferença social é responsável pela corrupção e pelos altos índices de criminalidade em países como o Brasil.

Em outro trecho, o País aparece no tópico sobre a fabricação de explosivos e cuidados no manuseio de materiais radioativos. Ele cita o acidente ocorrido em Goiânia, na década de 80, mais conhecido como acidente com o Césio-137.

O Brasil volta a ser usado como exemplo do manifesto quando o atirador fala do uso de golpes para a tomada de poder em alguns países, dizendo : "em 1889 o Brasil se tornou uma república após um golpe de Estado".

Nas outras páginas, o homem de 32 anos explica como montar bombas e faz um discurso contra o Islã e o marxismo. O ataque em Oslo também foi detalhadamente descrito no documento.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email