Novos tiroteios deixam feridos, agora em Chicago

Ao menos nove pessoas ficaram feridas em dois novos tiroteios registrados nos Estados Unidos neste domingo (4), dessa vez, na cidade de Chicago, em Illinois, segundo informaram autoridades locais

(Foto: Chicago, EUA)

Sputnik Brasil - Ao menos nove pessoas ficaram feridas em dois novos tiroteios registrados nos Estados Unidos neste domingo (4), dessa vez, na cidade de Chicago, em Illinois, segundo informaram autoridades locais.

De acordo com a mídia norte-americana, um homem armado que estava em um Chevrolet Camaro preto abriu fogo contra transeuntes que se encontravam em um parque da região, por razões ainda desconhecidas, ferindo sete pessoas. Em seguida, um novo tiroteio foi registrado a alguns blocos dali, deixando dois feridos. 

Com esses incidentes, chega a quatro o número de tiroteios em massa nos EUA em menos de 24 horas. Na tarde de ontem, em El Paso, Texas, um atirador matou 20 pessoas e deixou quase 30 feridas em um ataque contra clientes de um supermercado da rede Walmart. E, horas depois, em um bar de Dayton, Ohio, outro atirador matou nove pessoas e feriu outras 16 antes de ser morto pela polícia. 

Após esses novos episódios de violência, a sociedade norte-americana voltou a discutir intensamente a legislação sobre a posse e o porte de armas no país, que já teve 22 assassinatos em massa nesses oito primeiros meses de 2019. 

"​Eu estava em um evento de violência contra armas no lado sul de Chicago quando ouvi sobre o tiroteio em massa em El Paso. A violência armada está em todos os cantos do nosso país, e 100 pessoas são mortas com armas a cada dia. A inação no Congresso garante que isso continuará", escreveu a ativista Kina Collins.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247