CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Mundo

O rei da Espanha está nu

Para amenizar denncias contra genro do rei,famlia realdetalha contas da realeza: dos 8,43 milhes de euros gastos no ano, 293 mil euros couberam a Juan Carlos; detalhes divulgados so considerados insuficientes

O rei da Espanha está nu (Foto: JUAN MEDINA/REUTERS)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 – Como prometido depois das denúncias de mau uso de dinheiro público por seu genro, o rei Juan Carlos abriu as contas da Casa Real espanhola nesta quarta-feira. Em 2011, a Casa do Rei gastou exatos 8.434.280 euros (cerca de US$ 11,2 milhões ou R$ 19 milhões). Em nota, a família real informou que só o rei foi responsável pelo gasto de 292.752 euros (141 mil euros correspondem a seu salário e o restante, a despesas de representação). Já o príncipe de Astúrias, Filipe, gastou a metade do valor dispendido pelo pai: 146 mil euros.

O comunicado dá poucos detalhes sobre os gastos das mulheres da família real, limitando-se a informar que as despesas da rainha Sofia, da princesa Letizia Ortiz e das infantas Elena e Cristina não podem ultrapassar 375 mil euros neste ano. A nota destaca ainda que “todos os membros da família Real estão sujeitos ao pagamento de todos os impostos” e que respondem por apenas 9,65% dos gastos da Casa Real. O maior gasto é atribuído às despesas com “pessoal”, que correspondem a 47,89% dos 8,43 milhões anuais.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

A família real aproveitou o informativo inédito para ressaltar que “a Casa de sua Majestade o Rei elabora suas contas com base em critérios de austeridade, eficácia e complementaridade com outros serviços prestados pelos departamentos da Administração (espanhola)”. A nota informa ainda que “a vontade de rigor e transparência” do rei inspirou a criação do cargo de interventor da Fazenda na Casa real, para controlar e contabilizar os gastos de acordo com critérios técnicos.

Insuficiente

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O detalhamento dos gastos da família real espanhola não chegou a satisfazer todas as dúvidas acerca do assunto na Europa. O periódico espanhol “Cinco Dias” destacou em sua página na internet que os gastos com cabeleireiro e roupas ficaram de fora dos números apresentados e disse que o detalhamento se limitou a “escassos números”. Também ficaram de fora da prestação de contas do Palácio da Zarzuela gastos em visitas oficiais, serviços de segurança e compra de veículos oficiais, todas despesas sob a tutela de ministérios.

A decisão de apresentar o detalhamento das contas tem origem no comportamento classificado como “não exemplar” do genro do rei. Marido de Cristina, filha mais nova de Juan Carlos e Sofia, Inaki Urdangarin está sob investigação por mau uso do dinheiro público dado ao Instituto Noos, dirigido por ele na ilha de Mallorca, conhecido como “caso Palma Arena”.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

A Casa do Rei não tem o hábito de fazer grandes revelações sobre seus integrantes ou seu funcionamento, diferente do protocolo de outras famílias reais. Mas a situação mudou completamente nos últimos dias, quando começaram a ser divulgadas informações a respeito dos negócios do genro de Juan Carlos, o que deixou a Coroa em situação comprometedora.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247,apoie por Pix,inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Carregando os comentários...
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO