Obama: nunca vi tanta devastação

Presidente americano visita Alabama e se impressiona com a fora do tornado, que matou 337 pessoas



247 – Diferentemente de seu antecessor George W. Bush, que não visitou as vítimas do furacão Katrina, em 2005, o presidente Barack Obama desembarcou em Tuscaloosa, no Alabama, que foi a cidade mais afetada pelos tornados que atingiram vários pontos dos Estados Unidos e deixaram 337 mortos, dos quais 246 no Alabama. “Nunca vi uma devastação como esta”, disse Obama.

No primeiro momento, Obama sobrevoou as regiões afetadas a bordo do Air Force One. Depois desceu e percorreu vários bairros atingidos. Viu casas destruídas, árvores arrancadas e caminhões com câmaras de resfriamento, com corpos das vítimas. “Faremos tudo o que for possível para reconstruir tudo”, disse Obama.

Os tornados da última semana foram os mais fortes em 40 anos e os ventos atingiram mais de 200 quilômetros por hora. Mais de 1 milhão de pessoas ficaram sem luz e os blecautes ainda são constantes no Alabama. Obama foi à região acompanhado da esposa Michelle, que prestou condolências às vítimas.

Em várias cidades do Alabama, os bombeiros trabalham intensamente, procurando novas vítimas sob os escombros. “Casas voavam como se fossem brinquedos”, disse o meteorologista Tom Bradshaw ao jornal The New York Times. Um meteorologista do Centro de Previsão de Tempestades do Serviço Nacional de Meteorologia, Dave Imy, disse que o número de mortos era o maior desde 1974, quando houve 315 vítimas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email