Obama promete criar empregos nos EUA em 2012

No ltimo ano de gesto, democrata comanda frum para repatriar postos de trabalho do exterior para os Estados Unidos

Obama promete criar empregos nos EUA em 2012
Obama promete criar empregos nos EUA em 2012 (Foto: Kevin Lamarque/REUTERS)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse que sua resolução de Ano Novo é fazer o que for necessário para que a economia do país avance e para garantir que as famílias da classe média recuperem a segurança que perderam na última década. Em seu programa semanal de rádio, ele anunciou que realizará o fórum "Trazendo empregos para os Estados Unidos" na Casa Branca na quarta-feira. Ele pretende ouvir empresários que estão repatriando postos de trabalho do exterior para os EUA e avaliar como outros podem seguir esse caminho.

Obama reconhece que o maior desafio enfrentado é reconstruir a economia para que, novamente, trabalho duro seja recompensado. "Agora, a coisa mais importante que precisamos fazer é trazer mais americanos de volta ao trabalho", disse.

"Soubemos que nossa economia criou 212 mil postos de trabalho no setor privado em dezembro. Depois de perder mais de 8 milhões de vagas durante a recessão, nós criamos mais de 3 milhões de postos no setor privado nos últimos 22 meses. Estamos começando 2012 com o setor de manufatura em elevação e o setor automotivo em recuperação", afirmou. Obama avalia que os EUA estão indo na direção certa.

A recuperação da classe média é a razão pela qual o presidente dos EUA apontou Richard Cordray, nesta semana, como chefe do bureau de Proteção Financeira ao Consumidor. Mas ele argumenta que os Republicanos seguem bloqueando a confirmação no Senado, "não pelo fato de que são contra ele, mas porque querem enfraquecer a agência (que representará). Isso não faz sentido". As informações são do site da Casa Branca.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email