CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Mundo

"Obama, você está demitido!"

Donald Trump, um dos homens mais ricos dos Estados Unidos e clebre pelo programa O Aprendiz, quer desafiar Barack Obama nas eleies de 2012

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 – “Barack Obama, você está despedido!”. Essa frase poderá ser dita por ninguém menos que Donald Trump, nas eleições presidenciais dos Estados Unidos, em 2012. Um dos homens mais ricos dos Estados Unidos, com um patrimônio pessoal de US$ 3 bilhões, ele deve anunciar sua candidatura no mês de junho. O que o motiva são duas pesquisas feitas recentemente pela rede de televisão CNN e pelo site Politico, um dos mais influentes dos Estados Unidos. Em ambas, Trump é classificado como uma personalidade “gold” – e não há mais ninguém, no mundo político norte-americano, com essa reputação de padrão ouro.

A possível candidatura de Donald Trump foi o tema da reportagem de capa deste domingo do jornal The New York Times. “Eu estou pensando seriamente nisso”, disse Trump. “Hoje eu comando um grupo empresarial extraordinário, mas os Estados Unidos não vivem uma situação econômica extraordinária”, disse ele. Trump já era um empresário muito conhecido na década de 80, por construir as torres mais altas de Nova York. Mas o que fez dele um nome conhecido por praticamente 100% dos cidadãos norte-americanos foi a participação no programa “O Aprendiz”, o reality show de maior sucesso da última década, no qual ele avaliava futuros empreendedores e fez do seu bordão – “you are fired” (você está demitido) – um clássico.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

No passado, outros empresários, como Ross Perot, tentaram a presidência dos Estados Unidos, mas não tiveram sucesso. Mas, com Trump, pode ser diferente. “Ele nunca deve ser subestimado”, disse à DINHEIRO o empresário Ricardo Bellino, que em 2004, firmou uma parceria com o bilionário para a construção de um condomínio de luxo no interior de São Paulo. “E hoje ele é exatamente aquilo que os Estados Unidos estão buscando: um ícone do empreendedorismo, do self-made-man, da motivação e da volta por cima”, afirma.

No final da década de 80, o império Trump estava quebrado, com mais de US$ 2 bilhões em dívidas. Hoje, suas empresas vão de vento em popa – o que não ocorre com a economia dos Estados Unidos, extremamente endividada, e ainda com um desemprego próximo a 10%. Nos meios políticos americanos, avalia-se que Trump pode ser um nome mais forte do que o da republicana Sarah Palin, que tem apelo popular, mas tem também alto índice de rejeição.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Não é a primeira vez que Donald Trump sonha com a presidência. Em 1987, nomes próximos a ele chegaram a sugerir que ele participasse das primárias. E alguns dos livros do bilionário, como The America we Deserve (A América que Merecemos), têm viés claramente político. “Ele vai adorar trocar a mansão em Palm Beach pela Casa Branca”, diz Bellino.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO