Organização de Soros irá fechar portas na Turquia após acusações de Erdogan

A organização Open Society Foundations, de George Soros, declarou na segunda-feira (26) a possibilidade de parar de operar na Turquia, dias depois de o presidente turco Tayyip Erdogan ter acusado o bilionário filantropo húngaro-americano de tentar dividir e destruir nações; a organização declarou ter sido alvo de "declarações infundadas"; já Erdogan acusa Soros de financiar grupos que querem derrubar o governo turco  

Organização de Soros irá fechar portas na Turquia após acusações de Erdogan
Organização de Soros irá fechar portas na Turquia após acusações de Erdogan (Foto: MARKO DJURICA - REUTERS)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik - A organização Open Society Foundations, de George Soros, declarou na segunda-feira (26) a possibilidade de parar de operar na Turquia, dias depois de o presidente turco Tayyip Erdogan ter acusado o bilionário filantropo húngaro-americano de tentar dividir e destruir nações.

A organização declarou ter sido alvo de "declarações infundadas" na mídia turca, o que tornou impossível a continuidade de seu trabalho.

Um de seus fundadores na Turquia, Hakan Altinay, estava entre as 13 pessoas detidas há 10 dias. Eles foram acusados de apoiar o ativista de direitos humanos preso Osman Kavala em uma tentativa de derrubar o governo por meio de protestos em massa.

Em um discurso na semana passada, Erdogan ligou essas prisões a Soros.

"A pessoa [Osman Kavala], que financiou os terroristas durante os incidentes de Gezi, já está na prisão", disse Erdogan.

"E quem está por trás dele? O famoso judeu húngaro George Soros. Este sim é um homem que se dedica a dividir as nações e destruí-las. Ele tem muito dinheiro e está gastando dessa maneira", adicionou o presidente da Turquia.

A organização afirmou que "novas investigações" estavam tentando vinculá-la aos protestos de Gezi cinco anos atrás, acrescentando que "esses esforços não são novos e estão fora da realidade".

A Open Society Foundations declarou possibilidade de aplicar liquidação legal e encerramento das operações o mais rápido possível.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247