Os ursos de pelúcia e a crise diplomática

Considerado o último ditador na Europa, Alexander Lukashenko, presidente da Bielorrússia, está com o país submetido a sanções por parte da UE e, agora, enfrenta uma crise diplomática com a Suécia

Alexander Lukashenko, presidente da Bielorrússia desde 1994, considerado o último ditador na Europa, está com o país submetido a sanções por parte da União Europeia por causa de sua repressão à oposição e, agora, enfrenta uma crise diplomática com a Suécia.

No amanhecer do dia 4 de julho, um dia depois do desfile militar e da exibição aérea em comemorações ao dia da independência da Bielorrússia, uma empresa de relações públicas sueca chamada Studio Total fretou um avião, na Lituânia, e invadiu o espaço aéreo da Bielorrússia. Nos arredores da capital Minsk, cerca de mil ursos de pelúcia com paraquedas foram lançados do avião com mensagens de apoio à luta pela democracia, liberdade de expressão e direitos humanos.

A violação do espaço aéreo causou a demissão do chefe do Comitê da Fronteira, general Igor Rachkovsky, e do chefe das Forças Aéreas e da Defesa Antiaérea, general Dmitri Pajmelkin, além de advertências ao ministro da Defesa, Yuri Zhadibin, ao chefe do Estado Maior, Petr Tijonovski, ao secretário do Conselho de Segurança, Leonid Maltsev e ao chefe do Comitê de Segurança do Estado, general Vadim Zaitsev.

No dia 3 de agosto, o governo da Bielorrússia expulsou o embaixador sueco no país e, em resposta, o governo da Suécia anunciou que não receberá o novo embaixador bielorrusso nomeado há duas semanas. A crise diplomática causada pelos ursos de pelúcia, lançados de paraquedas, levou a chefe da diplomacia europeia, Catherine Ashton, a anunciar que a questão será submetida ao comitê político e de segurança em Bruxelas. Ela também recordou que a União Europeia está comprometida com os direitos humanos, a democracia e o Estado de Direito.

A Bielorrússia é o principal aliado militar da Rússia que faz grandes investimentos no sistema de defesa antiaérea nas fronteiras com a OTAN, mas um pequeno avião com ursos de pelúcia causou um grande incidente diplomático. Fato que faz lembrar a odisséia do alemão ocidental Mathias Rust que, em 28 de maio de 1987, invadiu o espaço aéreo da União Soviética e pousou seu avião monomotor Cessna 172 na Praça Vermelha em  Moscou.

Luiz Roberto Da Costa Júnior é mestre em ciência política e autor do ensaio "A Luta de Classes na França e a Não Institucionalização da Segunda República"

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247