Pentágono autoriza Trump a usar US$ 1 bi para construir muro em fronteira

Departamento de Defesa dos Estados Unidos autorizou US$ 1 bilhão em financiamento para erguer o muro que o presidente Donald Trump quer construir na fronteira EUA-México; segundo o Pentágono, o secretário de Defesa interino, Patrick Shanahan, "autorizou o comandante do Corpo de Engenheiros do Exército dos EUA a começar a planejar e executar até US$ 1 bilhão em apoio ao Departamento de Segurança Interna e Alfândega e Proteção de Fronteiras"

Pentágono autoriza Trump a usar US$ 1 bi para construir muro em fronteira
Pentágono autoriza Trump a usar US$ 1 bi para construir muro em fronteira
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik - O Departamento de Defesa dos Estados Unidos autorizou US$ 1 bilhão em financiamento para a construção do muro de Trump na fronteira EUA-México.

O secretário de Defesa interino, Patrick Shanahan, disse nesta segunda-feira, citado pela AFP, que autorizou o financiamento para construir parte do muro ao longo da fronteira entre os EUA e o México.

Em particular, Shanahan "autorizou o comandante do Corpo de Engenheiros do Exército dos EUA a começar a planejar e executar até US$ 1 bilhão em apoio ao Departamento de Segurança Interna e Alfândega e Proteção de Fronteiras", diz o comunicado do Pentágono.

O Departamento de Segurança Interna pediu ao Departamento de Defesa que construísse 92 quilômetros de cercas de 18 metros, além de construir e melhorar estradas, instalando iluminação para apoiar a declaração de emergência de Trump em relação à fronteira.

Na semana passada, o Departamento de Defesa disse que havia identificado US$ 12,8 bilhões em possível financiamento que poderia ser usado para atender ao chamado de Trump para construir um muro ma fronteira.

O presidente dos EUA, Donald Trump, declarou uma emergência nacional no mês passado para liberar US$ 8 bilhões em verbas federais para construir um muro na fronteira com o México. Trump disse repetidamente que o muro é necessário para impedir que criminosos e terroristas entrem nos Estados Unidos.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247