Polícia argentina identifica 51ª vítima de desastre

Dois dias aps o trgico acidente de trem, em Buenos Aires, a polcia federal argentina confirmou na noite desta sexta-feira que encontrou o 51 corpo preso nas ferragens, um jovem de 20 anos chamado Lucas Menghini Rey

Polícia argentina identifica 51ª vítima de desastre
Polícia argentina identifica 51ª vítima de desastre (Foto: Enrique Marcarian/Reuters)

Dois dias após o trágico acidente de trem, em Buenos Aires, a polícia federal argentina confirmou na noite desta sexta-feira que encontrou o 51º corpo preso nas ferragens. A polícia identificou o cadáver do jovem de 20 anos, Lucas Menghini Rey, que estava sendo procurado pela família desde que ocorreu o acidente. A equipe de resgate o encontrou entre dois dos oito vagões do trem que se chocou contra a barreira de proteção de uma das plataformas da estação Once, às 8h32 da última quarta-feira.

Inúmeros protestos nas redes sociais e na estação apontam falhas na operação de resgate no dia do acidente, já que o corpo de Lucas ficou esquecido no trem isolado pela polícia. Também pedem a renúncia do secretário de Transportes, Juan Pablo Schiavi. O corpo de Lucas foi encontrado após a insistência da mãe do jovem Maria Luján, para revisar as imagens das câmaras de segurança da estação de San Antonio de Padua, onde costumava tomar o transporte. As imagens mostraram que ele entrou no quarto vagão e, a partir daí, a polícia iniciou uma busca no trem. Antes, Luján fez uma peregrinação pelos hospitais com a esperança de encontrá-lo vivo.

Na manhã desta sexta-feira, outros dois passageiros se encontravam ainda desaparecidos após a tragédia que deixou 51 mortos e 703 feridos. Ambos foram encontrados com vida e 31 ainda se encontram internados. No Instituto Médico Legal ainda se encontra um corpo sem ser identificado. O corpo de Lucas será submetido a uma autopsia para determinar a causa e o dia da morte. Amigos e familiares temem que ele tenha morrido por falta de socorro.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247