Putin culpa EUA e aliados por crise na Síria

Estados Unidos e seus aliados são em geral os principais responsáveis pela situação na Síria, enquanto as acusações em relação à Rússia são "retórica política"; foi que disse o presidente russo, Vladimir Putin, em entrevista ao canal francês TF-1; "Eu diria que isto é retórica política que não tem nenhum bom senso e não está levando a situação real em consideração", disse Putin, comentando o fato de o Ocidente acusar a Rússia de bombardear Aleppo  

Presidente russo, Vladimir Putin, em foto de arquivo no Kremlin, em Moscou. 23/12/2014 REUTERS/Maxim Shipenkov
Presidente russo, Vladimir Putin, em foto de arquivo no Kremlin, em Moscou. 23/12/2014 REUTERS/Maxim Shipenkov (Foto: José Barbacena)

Sputnik Brasil - Os Estados Unidos e seus aliados são em geral os principais responsáveis pela situação na Síria, enquanto as acusações em relação à Rússia são "retórica política". É o que afirma o presidente russo, Vladimir Putin, em entrevista ao canal francês TF-1.

"Eu diria que isto é retórica política que não tem nenhum bom senso e não está levando a situação real em consideração", disse Putin, comentando o fato de o Ocidente acusar a Rússia de bombardear Aleppo.

“Estou profundamente convencido de que a responsabilidade pela situação na região como um todo e na Síria em particular recai sobre os nossos parceiros ocidentais, principalmente, claro, os Estados Unidos e seus aliados ", reiterou o presidente russo.

 

Conheça a TV 247

Mais de Mundo

Ao vivo na TV 247 Youtube 247