Rafael Correa: Lenin Moreno é o maior traidor da história da América Latina

O ex-presidente do Equador Rafael Correa se manifestou sobre a decisão de seu sucessor, Lenin Moreno, de suspender o asilo político concedido a Julian Assange, fundador do wikileaks. "Moreno é o maior traidor da história da América Latina", disse ele. Fora da embaixada, Assange provavelmente será entregue aos Estados Unidos, onde seria condenado a prisão perpétua. Graças ao wikileaks, foram reveladas torturas dos Estados Unidos no Iraque e também a espionagem contra a Petrobras e os governos do Brasil e da Alemanha. Ativistas de direitos humanos e da liberdade de expressão consideram esta quinta-feira um dia de luto para a humanidade

Rafael Correa: Lenin Moreno é o maior traidor da história da América Latina
Rafael Correa: Lenin Moreno é o maior traidor da história da América Latina

247 – O ex-presidente do Equador Rafael Correa se manifestou sobre a decisão de seu sucessor, Lenin Moreno, de suspender o asilo político concedido a Julian Assange, fundador do Wikileaks. "Moreno é o maior traidor da história da América Latina", disse ele. Fora da embaixada, Assange provavelmente será entregue aos Estados Unidos, onde seria condenado a prisão perpétua. Graças ao Wikileaks, foram reveladas torturas dos Estados Unidos no Iraque e também a espionagem contra a Petrobras e os governos do Brasil e da Alemanha. Ativistas de direitos humanos e da liberdade de expressão consideram esta quinta-feira um dia de luto para a humanidade. Confira, abaixo, o tweet de Correa e também sua entrevista ao canal RT, assim como a reportagem da Reuters:

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247