Republicanos pedem que Trump aceite a derrota nas urnas para Joe Biden

Importantes membros do partido Republicano, como o governador de Ohio, Mike DeWine, e o ex-assessor de Donald Trump Karl Rove, insistem que o democrata Joe Biden foi o vencedor das eleições presidenciais dos Estados Unidos

(Foto: Reuters | Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Aumenta a pressão dentro do partido Republicano para que Donald Trump reconheça a derrota para o democrata Joe Biden nas eleições presidenciais dos Estados Unidos. 

Nomes importantes do partido, como o governador de Ohio, Mike DeWine, e o ex-assessor de Trump e veterano do partido Karl Rove, se manifestaram para que ele aceite a derrota.

"Precisamos considerar o ex-vice-presidente como o presidente eleito. Joe Biden é o presidente eleito", afirmou DeWine à CNN americana nesta quinta-feira (12). No início desta semana, o governador sinalizou que esperaria o julgamento das contestações legais pedidas pela campanha do republicano antes de se pronunciar.

Em artigo publicado no Wall Street Journal, "O resultado desta eleição não será revertido", Karl Rove aponta que as recontagens raramente mudam dezenas de milhares de votos. "É improvável que os esforços do presidente tirem um único estado da coluna de Biden e certamente não bastam para alterar o resultado final", escreveu Rove.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247