"Rublo dourado": Rússia deveria adotar criptomoeda lastreada em ouro, sugerem analistas

Um stablecoin lastreado em ouro tornaria o rublo imune a sanções, dizem analistas da corporação de desenvolvimento VEB.RF

www.brasil247.com -
(Foto: Reuters)


RT - A Rússia precisa de um novo mecanismo para que os acordos internacionais possam operar sob sanções ocidentais, diz um relatório da corporação de desenvolvimento do país, a VEB.RF.

Segundo o relatório, a introdução de sanções financeiras contra a Rússia, que, apesar das medidas estatais, resulta em perdas econômicas para o país, também indica que uma transição para um sistema financeiro e monetário nacional completamente diferente está em ordem.

Os analistas do VEB.RF sugerem que a Rússia deve criar um stablecoin lastreado em ouro sob o nome "rublo dourado". De acordo com a pesquisa, os países ocidentais não terão oportunidade de bloquear as operações realizadas em tal moeda, pois sua taxa de câmbio será atrelada à taxa do ouro no mercado mundial, não ao dólar, ao euro ou, nesse caso, o próprio rublo fiduciário. O lastro em ouro garantiria a imunidade da moeda a sanções, e o ‘rublo dourado’ poderia ser usado livremente em transações externas, incluindo aquelas entre países terceiros sem a participação da Rússia.

Os analistas também propuseram o lançamento de um mecanismo para trabalhar com criptomoedas para empresas sancionadas em exchanges de criptomoedas em estados amigos, ou a criação de uma exchange nacional de criptomoedas para facilitar o comércio de 'rublo dourado'.

O VEB.RF sugere que o Banco da Rússia desenvolva um sistema de acordos internacionais com países amigos em suas moedas digitais nacionais com base em tecnologias de contabilidade distribuída e introduza um sistema de hedge para eliminar riscos cambiais.

Além de mergulhar no mundo da moeda digital, analistas dizem que o novo sistema financeiro da Rússia pode incorporar o uso em larga escala de esquemas de troca e novas zonas offshore, especialmente com a China. Mais adiante, eles sugerem a criação de uma unidade blockchain dentro da estrutura do BRICS, que espelharia o sistema especial de direitos de saque do FMI, ainda que em formato digital.

O relatório VEB.RF também chama a atenção para o sistema de pagamento MIR da Rússia (um análogo de Visa e Mastercard) e mecanismo de mensagens interbancárias SPFS do tipo SWIFT, e sugere que eles devem ser expandidos para fora da Rússia, pelo menos dentro do bloco da CEI e da China.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista: 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email