Rússia concorda em trocar a presidência do Brics com o Brasil em 2024

O Brasil propôs que a Rússia assuma a presidência do Brics em 2024 e o Brasil, por sua vez, em 2025

www.brasil247.com - Lula recebe presidenta do Conselho da Federação Russa, Valentia Matvienko, na véspera da posse
Lula recebe presidenta do Conselho da Federação Russa, Valentia Matvienko, na véspera da posse (Foto: Ricardo Stuckert)


Sputnik - O Ministério das Relações Exteriores da Rússia confirmou que irá assumir a presidência do Brics, grupo que congrega além do país euroasiático, o Brasil, a Índia, a China e a África do Sul, em 2024, a pedido da nação latino-americana. A confirmação foi dada nesta terça-feira (24).

O Brasil propôs que a Rússia assuma essas funções em 2024 e o Brasil, por sua vez, em 2025 (em vez de 2025 e 2024, respectivamente).

"Em 2019, o Brasil pediu oficialmente à Rússia que mudasse a ordem das presidências dos Brics como uma exceção, em conexão com os planos de Brasília de liderar o G20 em 2024. Claro que atendemos positivamente ao pedido dos sócios brasileiros. O acordo recebeu o apoio dos demais membros dos cinco países e foi garantido por meio de troca de notas diplomáticas", disse o ministério.

No último domingo (22), a África do Sul disse que aguarda Putin na 1ª cúpula do Brics presencial pós-pandemia, em agosto deste ano.

O embaixador sul-africano em Moscou, Mzuvukil Maketuk, ressaltou: "Definitivamente lhe enviaremos um convite e esperaremos por ele".

O diplomata afirmou que o local da cúpula ainda não está decidido, mas a reunião dos líderes do grupo pode ocorrer em uma das quatro maiores cidades do país: Joanesburgo, Cidade do Cabo, Durban ou Pretória.

Este será o primeiro encontro presencial do Brics após o início da pandemia.

O Brics reúne Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul e foi fundado em 2009, com o objetivo de ampliar os laços econômicos entre os países, em paralelo às negociações e às alianças promovidas pelo Ocidente.

Atualmente, diversos países já manifestaram interesse em ingressar no grupo econômico, como Argentina, Irã e Argélia.

A África do Sul assumiu a presidência do Brics, transmitida pela China no início deste ano, e permanecerá até o final de 2023.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247