Schwarzenegger compara invasão do Capitólio à Noite dos Cristais nazista (VÍDEO)

Num vídeo de grande repercussão nos EUA, o ator e ex-governador da Califórnia Arnold Schwarzenegger criticou duramente Trump e o ataque ao Capitólio, comparando-o com um dos episódios mais infames da história conhecido como Noite dos Cristais

Arnold Schwarzenegger
Arnold Schwarzenegger (Foto: MARIO ANZUONI)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 com Metrópoles - O ator e ex-governador da Califórnia Arnold Schwarzenegger comparou, neste domingo (10/1), a invasão do Capitólio por apoiadores do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, à Noite dos Cristais promovida pelo nazistas em 9-10 de novembro de 1938, um dos episódios mais infames da história.

A comparação foi feita em vídeo publicado em uma rede social, nesta manhã, pelo ator estadunidense nascido na Áustria, com grande repercussão nos Estados Unidos (assista ao vídeo ao final desta reportagem).

“Quarta-feira foi a Noite dos Cristais bem aqui nos Estados Unidos. Os vidros quebrados foram os das janelas do Capitólio americano”, disse Schwarzenegger.

“Mas a multidão não quebrou apenas as janelas do Capitólio. Ela quebrou as ideias que considerávamos como garantidas”, prosseguiu, ao destacar ter crescido na Áustria, cercado por homens que bebiam sem parar.

Além disso, o ator e ex-governador da Califórnia do Partido Republicano, o mesmo de Trump, criticou o atual presidente que, para ele, sairá como “o pior presidente da história”.

“A parte boa é que em breve será tão irrelevante quanto uma mensagem velha no Twitter”, complementou o ator, ao torcer pelo sucesso do presidente eleito Joe Biden, do partido Democratas.

“Presidente eleito Biden, desejamos muito sucesso como nosso presidente. Se você tiver sucesso, nossa nação terá sucesso”, afirmou.

A chamada Noite dos Cristais, que ocorreu em 9 de novembro de 1938, foi uma ação violenta organizada pelo regime de Adolf Hitler, na Alemanha nazista, que marcou o início da perseguição aos judeus.

Nesse dia, foram queimadas 256 sinagogas, destruídos cerca de 7 mil estabelecimentos comerciais e quase 100 judeus foram assassinados pelo aparato nazista.

Assista ao vídeo:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email