Secretário de Bolsonaro esculhamba a Folha na própria Folha

O secretário de Comunicação do governo de extrema-direita de Jair Bolsonaro, Fábio Wajngarten, escreve na edição desta segunda-feira (2) da Folha de S.Paulo artigo atacando o jornal e classificando como "infame" o editorial do último sábado (30), em que a Folha faz críticas ao titular do Executivo, diz que Bolsonaro "é incapaz de compreender a impessoalidade da administração republicana" e "combina leviandade e autoritarismo"

Jair Bolsonaro e Folha de S.Paulo
Jair Bolsonaro e Folha de S.Paulo (Foto: Reprodução)

247 - Em artigo publicado nesta segunda-feira (2) na Folha de S.Paulo, o secretário de Comunicação de Jair Bolsonaro, Fábio Wajngarten, ataca o jornal, numa sinalização de que, contrariamente ao que diz o texto, vai prosseguir a tentativa de censurar e inviabilizar o jornal.  

Wajngarten escreve que é "infame" o editorial em que a Folha repudia os ataques que vem sofrendo do governo de extrema-direita, numa tentativa de estrangular economicamente a publicação. 

[...] "quero escrever neste espaço para repudiar, com toda a ênfase, o infame, injusto e leviano editorial da Folha de S.Paulo publicado em 29 de novembro, no seu site online, e republicado no dia seguinte na edição impressa do veículo".  

"Os termos, o linguajar do editorial, seu conteúdo são desrespeitosos não só com a figura institucional do presidente da República como um libelo, um indisfarçável panfleto, desprovido de seriedade e consistência!"  

"Com o editorial, a Folha de S.Paulo se junta àqueles derrotados nas urnas em outubro passado, aos que tentaram matar o então candidato Jair Bolsonaro, para pregar o desrespeito, a mentira e a tentativa frustrada de desmoralizá-lo no cargo mais graduado da República".  

Leia a íntegra

Ao vivo na TV 247 Youtube 247