Seguro morreu de velho

Presidente argelino anuncia reformas para tentar se isolar das revolues que varrem o mundo rabe

247 – País mais populoso do Magreb, região do Norte da África, a Argélia até agora não sentiu o vento revolucionário que varre o mundo árabe. Apesar disso, o ditador Abdelaziz Buteflika, de 74 anos, decidiu se precaver. Com a saúde aparentemente debilitada, ele foi à televisão e fez um discurso prometendo reformas democráticas.

Buteflika prometeu uma nova lei de imprensa, descriminalizando crimes de opinião. Além disso, ele acenou com uma nova lei eleitoral, com uma melhoria nos direitos da mulher e com mais liberdade para a criação de associações da sociedade civil. O discurso parou a Argélia e foi ouvido por praticamente toda a população.

Até agora, as revoluções árabes já derrubaram regimes no Egito e na Tunísia, provocaram uma guerra civil na Líbia e estão abalando os regimes do Yemen e do Bahrein.

Ao vivo na TV 247 Youtube 247