CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Mundo

Tiroteio provoca incêndio em teatro perto de Moscou e deixa mortos (vídeo)

Após os suspeitos abrirem fogo, lançaram uma granada, que iniciou um incêndio. Autoridades de saúde da região informaram que 50 equipes de ambulâncias foram enviadas ao local

Ataques no teatro Crocus City Hall, perto de Moscou (Foto: Reprodução)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Sputnik Brasil - Várias pessoas foram evacuadas do teatro Crocus City Hall, perto de Moscou, depois de um tiroteio. De acordo com o correspondente da Sputnik, pelo menos três pessoas camufladas abriram fogo.

Há relatos de várias pessoas feridas no tiroteio que aconteceu nesta sexta-feira (22). A sala de concertos pegou fogo, segundo o correspondente. O Serviço de Federal de Segurança russo confirmou que pessoas foram mortas no ataque, mas não há números oficiais.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Ainda conforme o correspondente da Sputnik que estava no local, após os suspeitos abrirem fogo, lançaram uma granada, que iniciou um incêndio. "As pessoas no corredor deitaram-se no chão para escapar do tiroteio, ficaram ali por 15 a 20 minutos, depois disso começaram a rastejar para fora. Muitos conseguiram sair."

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

"Eles agem como militantes preparados e treinados. Ao entrarem no prédio, os guardas e as pessoas que estavam nas portas foram mortos. Em seguida, a entrada principal foi bloqueada", disse uma testemunha que esteve no local.

"Os terroristas estão armados com rifles de assalto AKM. Alguns carregam cargas de diversas munições. Pelo menos dois dos atiradores carregavam mochilas, possivelmente contendo coquetéis molotov", acrescentaram as testemunhas.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O diretor da banda que se apresentava no local afirmou que não viu os disparos, mas ouviu o barulho. " Agora está acontecendo uma tragédia. Pessoas com muito pouca roupa corriam para a rua", afirmou. "Todos na banda que conseguimos falar estão bem. Não conseguimos entrar em contato com algumas pessoas, esperamos que elas também estejam bem", completou.

"Foi criada uma força-tarefa no local da emergência em Crocus, todas as forças e meios estão direcionados para o local do incidente, as informações sobre as vítimas estão sendo esclarecidas", informou a administração de Krasnogorsk.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Autoridades de saúde da região de Moscou informaram que 50 equipes de ambulâncias foram enviadas para a local do incêndio para fornecer tratamento aos feridos.

O governador da região de Moscou, Andrei Vorobiev, afirmou que está a caminho do teatro após o tiroteio e o incêndio. "Todos os detalhes virão mais tarde", escreveu em seu canal no Telegram.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O prefeito de Moscou, Sergei Sobyanin, descreveu o tiroteio ocorrido nesta sexta-feira no teatro Crocus City Hall, nos arredores da capital russa, como uma "terrível tragédia". "Hoje uma terrível tragédia aconteceu em Crocus City”, escreveu Sobyanin em seu canal Telegram.

No início de março, a Embaixada dos Estados Unidos em Moscou sinalizou que estava monitorando relatos de que "os extremistas têm planos iminentes de atingir grandes reuniões em Moscou, para incluir concertos, e os cidadãos dos EUA devem ser aconselhados a evitar grandes reuniões nas próximas 48 horas".

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

A Casa Branca comentou o ocorrido em Crocus, afirmando que os EUA estão cientes das informações sobre o tiroteio e consideram as imagens da cena "horríveis".

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO