Trump chama regime de Cuba de “corrupto” e diz que não suspenderá embargo

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou nesta terça-feira (19), em seu discurso na Assembleia-Geral da ONU que o regime de Cuba é "corrupto e desestabilizador" e reiterou que não irá retirar o embargo econômico se não houver reformas na ilha; "Não levantaremos as sanções ao governo cubano até que haja reformas fundamentais", destacou Trump  

Trump faz discurso na ONU 19/9/2017 REUTERS/Shannon Stapleton
Trump faz discurso na ONU 19/9/2017 REUTERS/Shannon Stapleton (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Agência EFE - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou nesta terça-feira (19), em seu discurso na Assembleia-Geral da ONU que o regime de Cuba é "corrupto e desestabilizador" e reiterou que não irá retirar o embargo econômico se não houver reformas na ilha. "Não levantaremos as sanções ao governo cubano até que haja reformas fundamentais", destacou Trump. A informação é da EFE.

Em junho do ano passado, em um discurso em Miami, Trump anunciou o "cancelamento" da política de seu antecessor, Barack Obama, para Cuba. O ex-presidente promoveu uma aproximação com o regime de Raúl Castro e normalizou as relações bilaterais entre os dois países, o que propiciou a abertura de embaixadas em Washington e Havana.

As principais mudanças ordenadas por Trump são uma proibição para que as empresas dos EUA façam negócios com companhias cubanas de propriedade ou controladas pelas Forças Armadas Revolucionárias de Cuba e a restrição das viagens de cidadãos americanos à ilha.

"Faremos o embargo ser cumprido", disse na época Trump, reiterando a intenção hoje na ONU.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247