Trump tinha rede de fake news com 55 milhões de contas no Facebook

A empresa informou que os perfis interagiam com 55 milhões de pessoas espalhando por meio de robôs mensagens pró-Trump. O esquema se assemelha ao sistema usado por Jair Bolsonaro em sua rede de desinformação que espalhou notícias falsas e deturpadas durante as eleições de 2018 e que continua a funcionar até hoje

Donald Trump
Donald Trump (Foto: REUTERS/Tom Brenner)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O Facebook informou ter desativado duas operações separadas de manipulação de opinião pública por meio de fake news, incluindo uma rede estabelecida no Vietnã e nos Estados Unidos que influenciava americanos com mensagens pró-Donald Trump. De acordo com a empresa, apenas as duas operações interagiam com nada menos que 55 milhões de pessoas.

O esquema é o mesmo apresentado pela deputada federal Joice Hasselmann na CPMI das Fake News, em que afirma que pelo menos 1,4 milhão dos 5,4 milhões de seguidores de Jair Bolsonaro, ou seja, mais de um terço são robôs.

Foram canceladas mais de 600 contas no Facebook e no Instagram de páginas, grupos e perfis falsos que compartilhavam conteúdo do grupo de mídia do Epoch Times, vinculado ao movimento espiritual do Falun Gong, proibido na China, e do BL, uma organização americana favorável a Trump.

"[As pessoas envolvidas nesta campanha] usaram amplamente perfis falsos, muitos dos quais foram automaticamente bloqueados por nossos sistemas, para gerenciar suas páginas e grupos, publicar automaticamente em uma frequência muito alta e redirecionar os usuários para outros sites", destaca Nathaniel Gleicher, chefe de cibersegurança do Facebook.

A empresa ainda identificou que alguns perfis publicaram fotos geradas por tecnologias de inteligência artificial, para se passar por americanos, para compartilhar textos, imagens e montagens sobre questões políticas dos Estados Unidos, desde o processo de impeachment contra Trump no Congresso, passando por religião, comércio e valores familiares.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247